Quem pode praticar PILATES



Quem pode praticar Pilates? O método Pilates é indicado para todas as pessoas que se encontram entre 7 e 100 anos de idade, podendo ser flexíveis ou rígidas. O método serve para pessoas sedentárias, sem o hábito de praticar atividades físicas, assim como atletas de alto nível.

 

Quanto a prática regular de Pilates como exercício físico não há nenhuma restrição, pois inicialmente o aluno passa por uma avaliação postural e por uma anamnese, onde serão detectados possíveis desvios posturais, desequilíbrios musculares ou dores relatadas pelo próprio aluno, e a partir daí é que será montado um programa de treinamento específico para este aluno com objetivos pré-determinados.

 

Alguns casos específicos:

 

Hérnia de disco e problemas de coluna: O método abrange o nosso corpo de maneira uniforme, onde busca fortalecer, equilibrar e alongar a musculatura da coluna vertebral, trazendo um maior alinhamento e em determinados casos trazendo uma descompressão das tensões existentes, bem como gerar um alívio de pinçamentos e compressões dos discos o que gera um estímulo a circulação na região.

 

Gestantes: que já praticavam exercícios físicos podem fazer aula de Pilates desde que tenham passado pelo primeiro trimestre a gestação e tenham o atestado médico pra a prática da modalidade.

 

Terceira Idade: O pilates traz inúmeros benefícios para a terceira idade, tais como alívio da dor, maior percepção dos movimentos, fortalecimento muscular, maior equilíbrio, aumento da flexibilidade, alívio do estresse, entre outros. A grande vantagem está na melhora da auto-estima do praticante, uma vez que ele consegue realizar uma série de exercícios físicos que até então não se julgava capaz. O aumento do equilíbrio corporal também é um grande avanço, já que o idoso tem seu equilíbrio comprometido devido à idade. Tudo isso sem nenhum risco de lesão corporal, já que Pilates é um trabalho aplicado com uma grande margem de segurança, não cansa e não causa dores musculares posteriores, como é o caso da ginástica convencional.

 

Sedentários: O Pilates é uma opção para aquelas pessoas que não gostam de se exercitar e querem reverter esse quadro evitando lesões. Os exercícios de Pilates são bem diferentes dos exercícios de musculação e deixam de ser um sacrifício e passam a ser um prazer.

 

Reabilitação: de pacientes pós-cirúrgicos, que apresentam dor aguda, sequelas neurológicas decorrentes de AVCs (acidente vascular cerebral), Parkinson, distrofias musculares, entre outras e em patologias que acometem as diversas articulações do corpo, como artroses, tendinites, torções, estiramentos musculares, entre outros.

 

Pós-cirurgicos: para lesões em joelhos, quadris, coluna; o método é aconselhável devido ao baixo impacto e opção de poucas repetições.Desportistas: a fim de melhorar o rendimento, pois o Pilates otimiza os movimentos o que contribui para uma economia de energia para a realização do gesto desportivo.

 

Crianças: podem praticar Pilates desde que seja priorizado exercícios de coordenação motora, equilíbrio e alongamento. O Pilates pode ajudar em vários desvios posturais e também na má postura infaltil.

 

  • Wix Facebook page
  • Wix Twitter page
  • Wix Google+ page

Endereço

R. Dr. João Batista de Lacerda, 650

Mooca - São Paulo  CEP 03177-010 atendimento@espacoatitude.com

Tel (011) 2604-3503 / 2268-4187